Crítica: IT A coisa – Filme

 

Oi gente, hoje eu vou falar do filme It, como eu já tinha feito a resenha do livro, achei que valia a pena falar do filme também.

O livro e o filme tem algumas diferenças entre si porém, a essência que é a amizade entre o clube dos otários, continua a mesma.

IT-Kids.jpg

O filme se passa em 1989(não em 1957  como nos livros) e conta a historia de um grupo de jovens que constantemente sofrem bullying no colégio e por esse motivo acabam se unindo e formando o clube dos otários e tornando-se o apoio uns dos outros. Contudo, acontecimentos sinistros como desaparecimentos  e aparições de seres misteriosos perturbam a paz dos garotos. E assim Bill, cujo o irmão está desaparecido, resolve junto com os amigos investigar o que esta acontecendo.

O filme consegue  incrivelmente ser tão bom quanto o livro ( ou parte do livro, já que as partes com eles adultos foram deixadas para a continuação) a química entre as crianças é realmente boa  e você realmente sente que eles são amigos. Ninguém passa vergonha no quesito atuação, mas Jack Dylan Grazer (Eddie) e Finn Wolfhard (Richie) merecem destaque e roubam as cenas em que aparecem, ambos funcionam muito bem como alivio cômico, Wolfhard em nada lembra o Mike de Stranger Things( que seria o equivalente ao Bill de It).

Entretanto, se você está  esperando um filme de terror, pode se decepcionar, o filme transita entre vários gêneros(principalmente o aventura terror e comedia), eu mesma ri muito mais do que levei sustos. A caracterização do palhaço está perfeita, palmas para Bill Skarsgård que conseguiu fazer uma atuação perfeita.

Talvez o que mais tenha me incomodado são algumas mudanças feitas em relação ao livro, o pacto de sangue foi ideia de Stan e não de Bill, e além disso ainda teve a morte de Henry Bowers, quem leu o livro sabe o quão importante são os fatos originais, e porque eles não deveriam ser mudados. Entretanto algumas mudanças foram boas, como a retirada da cena grotesca da saída do esgoto.

Basicamente, It cumpre sua função, é um dos bons filmes lançados esse ano, não  consegue ser exatamente uma obra prima do medo, mas cumpre seu papel.

giphy

O que vocês acharam do filme?

26 comentários sobre “Crítica: IT A coisa – Filme

  1. Renir fonseca disse:

    eu não assisti,to esperando sair na Netflix ou filmesonlinex pq no cinema difícil, na verdade faz uns 7 anos que não sei o que é assistir filme nos cinemas que não seja do gênero animação rsrsrs por conta das minhas crianças.

    Curtir

  2. Júlia Lima disse:

    Confesso que não curto terror e não tenho vontade nenhuma de passar a curtir coisas desse gênero. Indiquei esse post a minha amg que estava querendo assistir e ela disse que é bem interessante. Parabéns pelo blog. Bjs, sucesso

    Curtir

  3. Ariele Alessandra disse:

    Que medooo! Esse filme tá de dar medo messmo, até meu cunhado que é “corajoso” para filmes de terror ficou com medo kkk quis abandonar a sala do cinema, imagina eu que já sou medrosa?! Mas amei seu post ❤

    Curtir

  4. Tati Aponte disse:

    Nossa, obrigada por compartilhar esta opinião. Eu nao conhecia mto sobre o filme e quero ver agora q li, dificilmente eu fico curiosa com resenhas mas a sua me despertou mesmo o interesse. Vou ver se vou esta semana assistir. Beijos

    Curtir

  5. Júlia Werdan disse:

    Nossa menina eu amei seu post, estou super com vontade de assistir o filme, esse final de semana mesmo já assisto( se eu aguentar esperar até lá) kk obrigada por escrever o que você achou do filme em relação ao livro, espero ter a oportunidade de ler o livro também, sucesso!! Beijos

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s