Ansiedade

 

 

Dedos formigando, peito ardendo, dificuldade para respirar, sensação de que algo ruim vai acontecer. Se você esta passando por isso é provável que esteja tendo uma crise de ansiedade.

A ansiedade é uma emoção normal do ser humano, comum ao se enfrentar algum problema no trabalho, antes de uma prova ou diante de decisões difíceis do dia a dia. No entanto, a ansiedade excessiva pode se tornar uma doença, ou melhor, um distúrbio de ansiedade. Pessoas que sofrem de distúrbios de ansiedade sentem uma preocupação e medo extremos em situações simples da rotina, além de alguns sintomas físicos, o que atrapalha suas atividades cotidianas, já que eles são difíceis de controlar.

Na primeira crise que tive, eu não fazia ideia do que estava acontecendo(nem o médico para ser sincera, até um eletrocardiograma eu fiz),eu estava tão nervosa, tão agitada e com tanto medo que achava que ia morrer.

O medo de morrer era tanto que eu não me aproximava das pessoas com medo de pegar alguma doença, cheguei ao ponto de andar com um frasco de álcool em gel sempre, e não beber nada fora de casa pois no mínimo uma herpes eu iria pegar. Cheguei a ir umas três vezes no pronto socorro só por medo de ter pegado algo e estar para morrer.

Por ser muito nova, eu não sabia o que estava acontecendo comigo, cheguei a pensar que estivesse louca, eram tantos pensamentos eu  não conseguia controla-los.

O auge da minha crise foi no ultimo ano da escola, um dia após o vestibular, estavam todos empolgados comentando sobre suas prova, ao ouvir a conversa tive certeza de que tinha zerado tudo e não ia passar na universidade. O que resultou em uma crise de choro no banheiro e eu voltando mais cedo para casa naquele dia. Aliás eu passei no vestibular para direito naquele ano, caso estejam se perguntando.

Algum tempo depois uma forte dor de cabeça me atingiu, e nada fazia ela melhorar. Foi ai que fui a outro médico e ele me explicou que essa dor de cabeça se chamava cefaléia tensional e ocorria em decorrência da ansiedade.

A ansiedade é bastante comum nos dias de hoje, principalmente em pessoas mais estressadas. Eu sempre achei que a ansiedade era algo que ocorria quando você espera muito alguma coisa. Contudo, em algumas pessoas isso acontece o tempo todo, mesmo fora de ocasiões especiais, a adrenalina está sempre presente no seu corpo.

Apesar de existir medicação, que ajuda, somente você pode lutar contra a ansiedade.Eu tento fazer atividades relaxantes como : Leitura, passeios, culinária e yoga para controlar o problema.

A ansiedade irá durar por toda a vida, mas tem maneiras de controlá-la e viver normalmente.

Sintomas:

Constante tensão ou nervosismo

Sensação de que algo ruim vai acontecer

Problemas de concentração

Medo constante

Descontrole sobre os pensamentos, principalmente dificuldade em esquecer o objeto de tensão

Preocupação exagerada em comparação com a realidade

Problemas para dormir

Irritabilidade

Agitação dos braços e pernas.

Dor ou aperto no peito e aumento das batidas do coração

Respiração ofegante ou falta de ar

Aumento do suor

Tremores nas mãos ou outras partes do corpo

Sensação de fraqueza ou cansaço

Boca seca

Mãos e pés frios ou suados

Náusea

Tensão muscular

Dor de barriga ou diarreia.

Além disso existem no auge da crise, os chamados ataques de pânico, que são  uma reação comum aos transtornos de ansiedade. Suas principais características são:

Sensação de nervosismo e pânico incontroláveis

Sensação de morte

Aumento da respiração

Aumento da frequência cardíaca

Tonturas e vertigens

Se você se identificou com os sintomas procure ajuda, a ansiedade afeta milhares de pessoas no mundo todo.

Se identificaram? Alguém já passou por isso?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s