A crise dos 18

 

635533880465963496-1976455569_18_candles_birthday_cake.imgopt1000x70

 

Os tão esperados 18…

Quando somos adolescentes passamos grande parte do nosso tempo pensando em como será maravilhoso ser maior de idade e  independente. A cultura POP só aumenta a expectativa, Selena Gomez em Monte Carlo vai para Europa, vive várias  aventuras e encontra o cara perfeito, Clary Fray vive um aventura épica e como não falar da icônica Blair Waldorf se divertindo em NY. É claro que sabemos que nossa vida não será desse jeito, mas ainda sim tudo isso nos dá a sensação ,ou seria esperança, de que algo mágico vai acontecer na nossa vida, e tudo  irá mudar.

Além disso, finalmente maiores de idade finalmente vamos poder ser responsáveis por nós mesmos, sem pais o tempo todo mandando em você. Dessa forma vamos poder fazer o que quiser, quando quiser e se quiser, finalmente livres. Ou pelo menos é isso o que pensamos.

Quando eu completei 18, eu não me senti nem um pouco diferente dos 17, o que eu já esperava que fosse acontecer, afinal não é do dia para o outro em que minha cabeça iria mudar. Só que as pessoas de fora me tratavam diferente, quando eu fui fazer uma conta no banco me perguntaram se eu já trabalhava, o que nunca tinha acontecido antes,  colegas da minha universidade, no primeiro dia de aula já eram casados. Fora que enquanto um monte de ex colegas de ensino médio se mudaram para fazer faculdade em outro lugar e eu fiquei, foi ai que eu tive a sensação que estava ficando para trás, e isso me desesperou.

Eu já tinha 18 anos, eu tinha que ter viajado para mais lugares, namorado mais, ter pulado de paraquedas, feito alguma loucura, todo mundo já fez isso. Para piorar a situação em casa nada tinha mudado, todos me tratavam da mesma forma, aumentando ainda mais a minha confusão.

Isso começou a me deixar sufocada, como consegui desperdiçar 18 anos da minha vida? Eu não estava ficando mais jovem , e sentia que num piscar de olhos estaria com 30 anos e uma vida monótona , chata e infeliz. Eu não vi os últimos 18 anos passarem, quem dirá os próximos 12.

Um único pensamento na minha cabeça era :

O  que eu estou fazendo da minha vida?”

tumblr_o9vfz9wmE61rgnn5go1_400.gif

A cada dia o medo do fracasso, de não conseguir viver aventuras e nem fazer nada na vida me assombrava. Eu sonhava em escapar da minha vida, ir para bem longe onde ninguém me conhecesse e começar tudo de novo. Quem sabe assim minha vida não melhorasse um pouco? Esses pensamentos estavam me fazendo tão mal que eu comecei a ter crises de ansiedade fortíssimas, e foi ai que eu percebi que tinha que parar de pensar e fazer alguma coisa.

Eu basicamente estava tendo uma crise de meia idade aos 18 anos, e tinha que reverter isso.

A primeira coisa quando está se passando por uma crise como essa é perceber que não esta sozinha, milhares de pessoas estão em uma situação igual a sua, muito provavelmente seus amigos próximos também estão.

Faça planos, não desista se você não consegue fazer uma coisa agora, talvez você possa faze-la em alguns anos. Nunca desista, vencedores pensam quando vão fazer alguma coisa,  não se farão alguma coisa.

A vida dos outros nunca é tão perfeita como parece então não despreze a sua, ame e valorize sua vida, você é jovem (teoricamente segundo a ONU até os 20 a pessoa é um adolescente,e um jovem até os 27).Então aproveite e viva o máximo que puder e principalmente ame a si mesmo.

Alguém mais teve uma crise dessa? Como você superou?

Beijos da L e até a próxima

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s